SuperBanner

Site Pessoas com Deficiência (PCD)

Lei, Inclusão, Isenção e Vagas

Caixa é multada em R$700 mil por falta de acessibilidade em agências do Amapá

caixa_amapa

Além do valor, a instituição bancária vai ter que concluir obras de adaptação em 90 dias

Por descumprir condicionantes de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que previa acessibilidade nas agências bancárias de todo o Brasil, a Caixa Econômica Federal vai pagar mais de R0 mil. Além da multa, a empresa ou terceiro por ela

custeado terá 90 dias para finalizar as adaptações iniciadas nas agências e postos de atendimento bancário do estado. A medida é resultado de ação ajuizada pelo Ministério Público Federal no Amapá (MPF/AP), por meio da Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC).

O TAC foi firmado em 2008 entre MPF, Ministérios Públicos de São Paulo e de Minas Gerais e Federação Brasileira de Bancos. A Caixa, entre outras instituições bancárias, comprometeu-se a executar obras de acessibilidade, conforme normas da ABNT, nos estabelecimentos bancários em todo o território nacional. Pelo acordo, a adaptação ocorreria em três etapas. Porém, no Amapá, somente a primeira delas foi integralmente cumprida. As poucas alterações realizadas nas agências e postos de atendimento bancário do estado são consideradas insuficientes.

Pelo descumprimento das condicionantes, o TAC previa multa diária de R mil. Peritos do MPF computaram os valores referentes a segunda e terceira etapas e chegaram ao montante de R0 mil. Em 2011, o MPF/AP cobrou judicialmente o valor corrigido e a finalização das obras e adaptações necessárias conforme previa o TAC. Os pedidos foram acatados pela Justiça Federal.

Para evitar o pagamento da dívida, a Caixa entrou com recurso e depositou em juízo R2 mil – valor atualizado em 2010. Em 2012, a 1ª Vara da Seção Judiciária do Amapá declarou improcedentes os embargos. Com isso, a execução, suspensa

após o recurso, teve prosseguimento. Agora, o valor depositado em juízo pela empresa será corrigido e revertido ao Fundo dos Direitos Difusos, previsto na Lei 7.347/85.

 

Fonte: Amapá Digital

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

sete + dezessete =