SuperBanner

Site Pessoas com Deficiência (PCD)

Lei, Inclusão, Isenção e Vagas

Garoto de 18 anos combate autismo com Google Glass

tecnologia

Alguém sorri e o Glass avisa que a pessoa está feliz. Alguém abre a boca e ergue as sobrancelhas e o Glass avisa que o indivíduo está espantado. Para muitas pessoas, essa função poderia ser dispensável, mas, para alguns autistas, não.

A incapacidade de reconhecer expressões é um dos grandes desafios de autistas em relacionar-se com outras pessoas. Por isso Catalin Voss, um empreendedor alemão de 18 anos, está desenvolvendo o Sension, um aplicativo que ajuda portadores de autismo a reconhecerem as emoções.

Um dos desafios do Sension é fazer o indivíduo não só perceber as diferentes expressões faciais, mas também ensiná-lo a lidar com elas. Voss está na Universidade de Stanford, nos EUA, trabalhando em seu projeto junto com o colega Jonathan Yan. Lá, ele criou startups como o PayNearMe e desenvolve projetos no Vale do Silício, onde é visto como um prodígio.

Outros usos

As aplicações de Sension não são necessariamente limitadas ao Google Glass e ao autismo. A tecnologia pode ser utilizada em computadores, jogos e outras tecnologias. Algumas das possibilidades são demonstradas no vídeo abaixo:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=PzAkRgjV_ZA

 

 

Olhar Digital

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dois × três =