SuperBanner

Site Pessoas com Deficiência (PCD)

Lei, Inclusão, Isenção e Vagas

A universidade federal do Maranhão tem se tornado um modelo nacional devido a implantação de novas tecnologias e de programas de inclusão social

A universidade federal do Maranhão tem se tornado um modelo nacional devido a implantação de novas tecnologias e de programas de inclusão social, que tem beneficiado a pessoas com deficiência.

SÃO LUÍS – O Núcleo de Acessibilidade da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) tem se tornado referência nacional por conta da implantação de novas tecnologias e de programas de inclusão social às pessoas com deficiência. Por conta dessas ações, o coordenador do Núcleo de Acessibilidade e professor do Departamento de Desenho e Tecnologia da UFMA, Evandro Guimarães, foi convidado para participar da Virada Inclusiva que acontece do dia 1º a 3 de dezembro, em São Paulo.

inclusão-social
inclusão-social

O coordenador foi chamado também para fazer parte do Comitê de Estudo da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) de Classificação e Terminologia de Produtos de Apoio para Pessoas com Deficiência ou Mobilidade Reduzida. O grupo se reúne em 2012, nos dias 26 de novembro e 13 de dezembro.

A terceira edição da Virada Inclusiva será realizada para celebrar o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, que é comemorado no dia 3 de dezembro. No total, mais de 80 cidades do Estado de São Paulo estarão envolvidas em atividades voltadas para a cultura, esporte e lazer. Evandro Guimarães foi convidado pelo Secretário de Estado Adjunto de Direitos das pessoas com Deficiência, Marco Antonio Pellegrini, para participar do evento como analista técnico e será responsável por visitar os locais, como ruas, cinemas, teatros, praças, parques, museus e outros, onde serão realizadas as atividades, a fim de garantir que o evento esteja realmente acessível.

O professor Evandro Guimarães destacou que a experiência adquirida durante esse trabalho poderá contribuir para a realização de uma possível Virada Inclusiva em São Luís. A proposta do evento está incluída nos objetivos do documento Viver sem Limites, assinado durante o Seminário de Acessibilidade em Cidades Históricas, organizado pela secretaria de Estado dos Direitos Humanos, Assistência Social e Cidadania (Sedihc), que teve como objetivo discutir os impactos da adoção de políticas de acessibilidade aos deficientes físicos, em locais com patrimônios tombados pela humanidade, para uma ampliação de acesso e consequente melhoria dos índices de visitantes na cidade.

A participação do coordenador do Núcleo de Acessibilidade da UFMA no Comitê de Estudo da ABNT de Classificação e Terminologia de Produtos de Apoio para Pessoas com Deficiência ou Mobilidade Reduzida também é fruto do trabalho que vem sendo realizado na Cidade Universitária na área de acessibilidade.

Dentre as ações desenvolvidas para promover a acessibilidade na academia, Evandro Guimarães destaca a criação do Núcleo de Tecnologia Assistida que está em fase de planejamento e será implantado na UFMA. O objetivo do núcleo será desenvolver tecnologias que possam oferecer independência e proporcionar maior mobilidade para as pessoas com deficiência, como equipamentos para acesso digital e cadeiras de rodas digitalizadas ou mesmo como a Lupa Eletrônica, desenvolvida pelo Núcleo de Acessibilidade.

O equipamento usa um sistema simples com rodas para manter a lupa alinhada com o texto para gerar imagem nítida o bastante para que pessoas com baixa visão possam ler bulas de remédio, livros e jornais. O custo da Lupa Eletrônica é apenas 15 por cento das lupas disponíveis no mercado. Veja o vídeo da TV ASCOM UFMA sobre a Lupa Eletrônica.

Dia Internacional das pessoas com deficiência

O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência foi instituído, em outubro de 1992, pela Organização das Nações Unidas. Celebrar essa data tem o objetivo de mobilizar as pessoas a fim de fomentar uma maior compreensão dos assuntos que dizem respeito às pessoas com deficiência. A data pretende estimular uma reflexão sobre os direitos da pessoa com deficiência e destacar os benefícios da acessibilidade para essas pessoas e para a sociedade e da integração das pessoas com deficiência em aspectos da vida política, social, econômica e cultural.

Fonte: UFMA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

oito − dois =