SuperBanner

Site Pessoas com Deficiência (PCD)

Lei, Inclusão, Isenção e Vagas

Aprovada na Câmara Legislava a Criação de Escola Bilíngue para Deficientes Auditivos

Aprovada na Câmara Legislava a Criação de Escola Bilíngue para Deficientes Auditivos, os quais participarão de toda a sessão, com a ajuda de um interprete de libra.

O plenário da Câmara Legislativa aprovou, nesta quarta-feira (21), a criação de escolas com ensino integral bilíngue – Língua Brasileira de Sinais (Libras) e português-escrito, na rede pública de ensino do Distrito Federal. O Projeto de Lei nº 725/2012, de autoria do deputado Wellington Luiz (PPL), determina que ambas as línguas sejam utilizadas na comunicação e no ensino das disciplinas curriculares e demais atividades pedagógicas previstas em lei. O projeto teve sua tramitação concluída e segue agora à sanção do governador Agnelo Queiroz.

De acordo com o texto aprovado, a escola pública integral bilíngue será implantada como projeto piloto e seu ensino deve primar pela modalidade regular, com o oferecimento do mesmo currículo da rede pública de ensino, permitidas adequações. O autor da proposta agradeceu a acolhida que o projeto teve na Câmara Legislativa. “Agradeço a forma carinhosa como todos os parlamentares analisaram esta matéria tão importante”, afirmou Wellington Luiz.

Durante a aprovação do PL 725/2012, os deficientes auditivos que estavam nas galerias do plenário puderam acompanhar a sessão por meio de interpretes de Libras. Diversos parlamentares parabenizaram Wellington Luiz. Aylton Gomes, por exemplo, disse que o projeto vai se tornar “referência nacional”, enquanto Eliana Pedrosa (PSD) aproveitou para pedir à Mesa Diretora a presença constante de um interprete de Libras durante as sessões plenárias.

pessoas-com-deficiencia-auditiva
pessoas-com-deficiência

Os distritais aprovaram ainda o PL 1009/2012, de autoria do deputado Robério Negreiros (PMDB), que inclui o dia mundial de conscientização sobre a doença falciforme, no calendário oficial de eventos do Distrito Federal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Imagem CAPTCHA

*